Quando as medidas de isolamento social começaram a ser determinadas no Brasil, o país se preparava para receber, pelo menos, cinco eventos de K-Pop – Eric Nam, BlancS, VAV, Ravi e KARD. A longa turnê do Spax, no entanto, já estava em andamento e foi preciso que artista e empresas produtoras buscassem juntos uma solução para a interrupção da turnê – o que resultou em uma inusitada decisão: Spax passaria a quarentena no Brasil.

“Confesso que não é uma decisão fácil de se tomar, pois num dia estávamos todos em meio a correria da turnê e literalmente no dia seguinte, precisamos parar todos os planos”, explica Laíze Nascimento, CEO da Highlight Produções, que vem trabalhando na turnê ao lado da Storyvent.

A equipe de produção e Spax estavam em Recife, segunda parada da turnê, quando precisaram mudar os planos, reagendar voos e remarcar estadias para acomodar o artista nesta nova realidade.

Segundo a produção, Spax foi solícito desde o princípio e ele mesmo sugeriu que seria melhor ficar por aqui. “Spax é incrível como pessoa e artista, e isso tem sido muito importante”, afirma Laíze.

A Space Tour marca a quinta passagem do Spax pelo Brasil nos últimos três anos. E a intimidade com a cultural local, adquirida pelo idol ao longo dessas visitas tem sido de grande importância para que a estadia prolongada seja mais positiva. “É longe da casa, mas fico aliviado por ser o Brasil. Atualmente sinto que estou morando aqui, não viajando. E estou gostando cada vez mais da comida e da cultura brasileira,” confessa o b-boy.

Por já conhecer o país e muitas cidades, ele pôde identificar com facilidade a diferença nas ruas: “São Paulo está vazia. No início nem tinha carros na rua, parecia de um filme de zumbi,” brinca.

Para ele, o tédio tem sido um incômodo durante este período, no qual precisa se contentar com um cotidiano repetitivo, quando, na verdade, gostaria de estar viajando e experimentando coisas novas. Ainda assim, Spax conta que busca manter um pensamento positivo e agradecer às pequenas coisas que movimentam uma vida bem menos agitada do que a desejada.

Em postagem do Instagram, espaço que o idol usa para dividir com os fãs um pouco dessa experiência, ele listou algumas das coisas pelas quais é agradecido neste momento tão atípico:

  1. Uma janela grande que permite ver o céu;
  2. Uma Wi-Fi com velocidade ok;
  3. A segurança de saber que, em um raio de 300m, tem pessoas que podem me ajudar;
  4. O fato de o lugar onde estou preso ser o Brasil (se fosse outro lugar poderia ser terrível)
  5. Um chuveiro de água quente

 

Projetos e crescimento pessoal na quarentena

Segundo Spax, esta é uma chance única de crescimento pessoal, que só é possível diante das circunstâncias atuais e, por isso, tem utilizado o período de isolamento social para investir em novos projetos. “Graças a este isolamento social, consegui fazer uma música, que já gravei e logo estará no ar”, compartilha Spax, que, desde o início de sua carreira solo, ainda não teve um lançamento próprio oficial.

 

Recentemente, o idol também mostrou outra atividade a qual se dedicou durante este período no Brasil: uma ação beneficente. Em comemoração ao dia das crianças — comemorado na Coreia no dia 5 de maio —, o idol realizou, no dia 4, uma live onde fãs podiam não apenas interagir com ele, mas também ajudar doar quantias entre R$ 20 e R$ 100. O valor arrecadado foi usado para comprar máscaras e álcool gel para o Hospital Infantil Darcy Vargas, em São Paulo, e a boa ação chegou até mesmo às manchetes de jornais brasileiros.

 

Além de lembrar de sua terra natal na ação beneficente, Spax também busca diminuir a distância entre Coreia e Brasil com o frequente contato com seus familiares e amigos, que, segundo ele, se preocupam bastante com sua saúde. Ele conta que, dada as circunstâncias, seu contato com os brasileiros é pouco, limitado apenas a parte da equipe de produção e aos fãs, a quem avisa: “Durante esta espera inesperada, estou fazendo o meu máximo para realizar os [próximos] fanmeetings muito melhor que os anteriores. Podem vir com expectativa!”

Spax segue no Brasil até a conclusão da Space Tour, que ainda aguarda novas definições de datas.

Lembramos que, em 2019, o Spax foi um dos concorrentes do PAK (Prêmio Anual K4US) na categoria “Venham Morar no Brasil”, onde K-Poppers brasileiros expressaram seus desejos de dividir a terrinha com os idols mais brasileiros que já pisaram por aqui.

Spax k4us pai 2019

Não foi da maneira mais convencional, mas acabou rolando.


Guia do Spax para uma quarentena produtiva:

  • Uma série/drama para maratonar: Hospital Playlist
  • Um exercício físico para se manter ativo: Flexões
  • Uma frase motivadora para lembrar diariamente: Agradecer
  • Um jogo para se entreter: Não jogo
  • Uma comida: Feijoada

Top 3 coisas que o Spax mais quer fazer após o isolamento social:

  1. Fanmeeting
  2. Viagem
  3. Ir num café coreano para tomar um café e um pedaço de bolo gostoso