O que é Webtoon?

Webtoon (웹툰) são webcomics ou manhwas sul-coreanos que são publicados online.

As primeiras webtoons foram publicadas pelo portal web coreano Daum em 2003, e em 2004 o tão conhecido Naver começou a disponibilizá-las em sua plataforma de maneira gratuita. Em julho de 2014, o Naver já possuía 520 webtoons em seu site.

Logo no início de 2010, começaram a traduzir de maneira oficial as webtoons para o inglês, já que antes as traduções eram feitas informalmente por fãs. Um fato interessante é que os outros idiomas continuam sendo traduzidos por fãs até hoje. Nós adoramos a inclusão internacional não?

Atualmente o mercado de webtoons gera em torno de KR 420 bilhões, o que seria por volta de R$ 368 milhões. E você aí achando que histórias em quadrinhos não davam dinheiro…

Uma outra curiosidade é que mesmo com o crescimento dos quadrinhos online, a publicação impressa continua sendo o principal meio de lucro e comércio. Por isso, alguns editores/autores disponibilizam suas obras tanto online quando de maneira impressa para aumentar seu público e ter mais lucro em cima de sua arte. Inclusive, alguns deles usam algumas ferramentas extras que o próprio aplicativo oferece, como por exemplo o Patreon.

 

O Patreon nada mais é do que uma ajuda financeira ao autor/editor. A webtoon não fica totalmente exposta online, parte dela é gratuita e a outra parte somente pagando uma quantia pré-determinada (geralmente varia de 2 a 10 reais) ou uma quantia aberta (você pode doar o quanto quiser) para ter acesso a todo conteúdo e até mesmo receber partes extras e exclusivas. O Patreon não deixa de ser uma maneira secundária de ganhar dinheiro dentro desse mercado que a cada dia que passa fica mais vasto e mais competitivo.

O serviço do Naver Line Webtoon, que é o aplicativo que podemos baixar para uso tanto em aparelhos móveis quanto no computador, é uma das maiores plataformas de webtoon da Coreia do Sul atualmente. Alcançando mais de 62 milhões de usuários por dia.

Realmente, eles não estão para brincadeiras.

 

Mangá, Manhwa e Manhua não são a mesma coisa?

Na teoria? Sim! Na prática? Não muito. O Manhwa é um termo geral coreano que significa histórias em quadrinhos, assim como a palavra mangá de origem japonesa. Porém, ambas são derivadas do cognato da frase chinesa “manhua”, que traduz de maneira literal para: “esboços improvisados”.

Até aqui tudo certo, todas essas palavras significam uma coisa só. Mas você deve agora estar se perguntando como que se diferencia cada uma delas, não é mesmo? A resposta é simples, pelo idioma e a estrutura.

Os mangás originários do Japão, são lidos da direita para a esquerda e em sua grande maioria são todos em preto e branco. Nunca coloridos. Geralmente, quando se encontra mangás com páginas coloridas de duas uma: ou é uma edição especial ou a editora colore as primeiras páginas para mostrar o talento do mangaká (pessoa que escreve e desenha os mangás).

Manhwas são os de origem sul coreana, e diferente dos mangás, são lidos da esquerda para a direita e podem ou não ser coloridos. Os manhwas são bem diversificados em relação a isso, sendo assim você pode encontrar um manhwa totalmente colorido, totalmente em preto e branco ou misturado.

E por último, mas não menos importante, os manhuas. Esses são chineses e atualmente seguem um estilo bem semelhante com os manhwas sul coreanos. E assim como os coreanos possuem as webtoons, os chineses possuem os web manhuas. São manhuas que são publicados de maneira bastante similar as webtoons, e que também são totalmente gratuitas.

O que então diferencia as Webtoons do resto?

Depois de toda essa aula didática, vamos para as dúvidas que eu mais ouço quando o assunto é webtoons em tópicos:

1) Queria começar a ler webtoons, mas não sei onde achá-las.

Há três maneiras de você ler webtoons em português ou outros idiomas. A primeira é você baixar o aplicativo de Webtoon da Naver. O app é disponível tanto para IOS quanto Android, ou seja, é bastante acessível. A segunda é uma recomendação pessoal minha que é baixar o app Manga Reader, lá é uma mistura muito doida de mangás, manhwas, manhuas e webtoons. E existem muitas webtoons que não estão no aplicativo do Naver. Então, eu recomendo você ter os dois aplicativos caso queira dar uma variada nas suas opções de leitura.

A terceira é pesquisar no Google. Existem muitos sites que traduzem webtoons pela Internet. Sendo assim, caso você não queira ou não tenha mais espaço no seu celular para baixar um dos aplicativos que eu citei acima, basta ir ao querido amigo Google que com certeza você achará algum site. Mas caso você esteja num nível bom de inglês ou queira treiná-lo, eu recomendo o Manga Rock que é um ótimo site!

2) Como funciona o Webtoon?

Assim que você baixar o app você precisará se cadastrar, feito isso ele irá perguntar quais idiomas você prefere que seu app esteja. Quando eu baixei o meu só havia 4 opções de idioma: coreano, japonês, mandarim e inglês.

Depois de escolher um desses idiomas, ele vai te perguntar quais gêneros você mais gosta de ler e quais são os estilos artísticos que você mais gosta das opções disponíveis. É uma maneira do aplicativo poder te recomendar obras que combinem mais com o seu gosto pessoal, mas isso não quer dizer que você só vai receber notificações do que você colocar nesse questionário, fique tranquilo quanto a isso.

Em seguida, acredito eu, você vai começar a “surfar” pelo app e vai achar várias histórias que te interessam. Para você salvar essas histórias e receber as notificações de capítulos novos, caso ela ainda esteja em andamento, é só você se inscrever. Sim, igual no YouTube. Você se inscreve para receber os conteúdos daquele webtoon e saber quando haverá capítulos novos ou se o autor vai dar uma pausa e coisas do gênero.

Esqueceu de se inscrever em um webtoon sem querer? Não tem problema, o aplicativo salva os últimos webtoons que você leu! É só ir ao botão “recent” e com certeza achará o título que procura e conseguirá se inscrever para não o perder mais.

Bom, com isso acho que deu para perceber que o aplicativo é bem fácil de manusear e tem algumas características únicas. Além de lermos ele da esquerda para direita, o “jeito ocidental”, ele tem um sistema de rolagem. Como ele foi feito para ser lido pela Internet, ao invés de passar as páginas para o lado como fazemos quando a obra é impressa, o webtoon já foi criado para você ir rolando para baixo, como se você estivesse vendo o feed do seu Facebook ou Instagram. Legal, não é?

3) Eu não falo coreano, japonês, mandarim e nem inglês! Há como eu ler webtoons no aplicativo?

Sim! O webtoon tem uma opção de “fan translation”, que é onde fãs ao redor do mundo traduzem as obras para seus próprios idiomas. E há traduções em português lá, então fique tranquilo quanto a isso. Mas devo admitir que as traduções por fãs podem demorar um pouco para ficarem prontas, sendo assim, se você quiser pode traduzir por conta própria ou tentar um dos outros aplicativos que lhe disse lá em cima. Não deixe de ler essas histórias incríveis por isso.

4) Eu consigo encontrar de tudo no Webtoon?

Sim! Existem webtoons dos mais diversos gêneros e temas, e o app é totalmente inclusivo e sem censura. Não precisa se preocupar com coisas do tipo dentro da plataforma.

E aí? Se interessou?  Ficou animadx para entrar nesse outro buraco sem fundo que são as webtoons?